Implante Dentário Dói? A Cirurgia de Implante é Dolorosa?

A propaganda alardeia as maravilhas do implante dentário, mas ele não faz milagres.

Os resultados de um implante dentário são bastante satisfatórios na maioria dos tratamentos, que consistem na implantação de parafusos de titânio no osso da arcada dentária, logo abaixo na gengiva, que substitui a raiz. Sobre esta plataforma, o dentista coloca a prótese. De maneira geral, não há contraindicações para o implante dentário.

No entanto, o ideal é realizar o implante dentário o quanto antes, logo após a perda do dente. Com o passar do tempo, o osso que sustenta a raiz sofre um processo de reabsorção fisiológica, e isto pode impedir a fixação do pino. Em casos extremos, pode ser feito um enxerto ósseo para permitir a implantação das próteses.

Implante Dentário Dói?

implante dentário dói?

As exceções ficam por conta dos jovens antes da fase final do crescimento (a idade ideal é 18 anos, quando o desenvolvimento da mandíbula e do maxilar está completo) e pessoas com problemas cardíacos – em especial, os que portam marca-passo ou com histórico de miocardites congênitas. Outras condições que podem impedir um implante dentário são pacientes diabéticos, fumantes e quando não há estrutura óssea suficiente, tanto em altura, quanto em espessura.

O implante dentário não apresenta rejeições de tecido, já que o titânio é um elemento inerte, mas pode haver formação inadequada de osso nas espiras de titânio, em função de causas sistêmicas, como a má qualidade (ou quantidade) do osso. Na maioria dos casos (o percentual de êxito chega a 98%), o osso continua a se desenvolver e preenche os espaços deixados pelo procedimento: é a chamada osteointegração.

Leia: Como é Feito Implante Dentário

Para reparar a dentição, são necessários no mínimo seis implantes dentários na parte superior e dois na inferior. Caso haja falta de outros dentes, eles podem ser substituídos por próteses fixas ou móveis, sustentadas pelos pinos fixados no osso. Os implantes são feitos sempre na região dos primeiros molares. Na região dos segundos molares, o acesso é dificultado pela abertura da boca. Além disto, no maxilar, a qualidade do osso não é adequada para o implante dentário.implante de dentes

A Cirurgia de Implante é Dolorosa?

O implante dentário é feito com anestesia local, idêntica a qualquer outro tratamento odontológico. Há algum tempo, era necessário abrir a gengiva para colocar o parafuso de titânio, mas a prática foi abandonada: são realizados apenas alguns cortes por onde passará o pino, sem cortes exploratórios na gengiva. O osso não é dotado de inervação – portanto, não é um foco de dor.

O planejamento do implante dentário é feito com o uso de tomografias da gengiva e softwares específicos, e isto reduz as probabilidades de erro. Na “pré-história” da técnica, o dentista precisava abrir toda a gengiva para explorar o osso da arcada dentária, o que tornava o procedimento bastante doloroso. Atualmente, o cirurgião sabe exatamente o local que deve ser perfurado antes de o paciente sentar-se na cadeira do consultório.

Confira: Pós Operatório do Implante Dentário: Como é a Recuperação

No pós-operatório, a recuperação é semelhante à de extração de um dente. A dor pode ser amenizada com analgésicos e anti-inflamatórios orais. Em caso de infecções, o dentista pode receitar antibióticos. O paciente pode retornar o trabalho no dia seguinte. O tratamento pode prosseguir com a colocação de próteses, para substituir outros dentes faltantes.


3 comentários em “Implante Dentário Dói? A Cirurgia de Implante é Dolorosa?

  1. OLÁ, BOM DIA.
    GOSTEI DAS INFORMAÇÕES, POIS ME ESCLARECEU ALGUMAS DÚVIDAS,
    GOSTARIA DE SABER SE TEM CONSULTÓRIO NA CIDADE DE SALVADOR,
    QUAL O ENDEREÇO E TELEFONE PARA MANTER CONTATO.
    GRATA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *